Cover-Site-Eleicoes
luisyabiku-sobre-1x

OBRIGADO POR SE CADASTRAR

BIOGRAFIA

Nascido em 7 de setembro de 1958 em Campinas, Luis Yabiku é economista e pós-graduado em Gestão Pública pela PUC–Campinas. Atualmente, exerce o seu quinto mandato como vereador pelo PSB (Partido Socialista Brasileiro), eleito em 2016 com 3.332 votos. De janeiro a 31 de março de 2020, foi secretário municipal de Trabalho e Renda.

Yabiku iniciou a sua trajetória na vida pública em 1996, quando foi eleito, pela primeira vez, vereador por Campinas com uma expressiva votação (6.380 votos). Em 2002, estreou como candidato a deputado estadual e quase venceu com 30.106 votos.

Voltou a conquistar uma vaga na Câmara de Campinas nas eleições de 2004, quando obteve 6.710 votos. Foi novamente reeleito vereador em 2008. No pleito de 2012 ficou suplente e assumiu o cargo em 2015 na vaga deixada pelo titular que saiu para assumir uma cadeira na Câmara Federal.

No Executivo ocupou dois cargos como secretário municipal. Em 2011, comandou a Secretaria de Urbanismo, onde combateu diversas irregularidades em empreendimentos imobiliários e trabalhou para regularizar esses projetos.

De janeiro de 2017 a março de 2020, foi Secretário Municipal de Trabalho e Renda. Durante a sua gestão, implantou o primeiro programa municipal de inclusão e encaminhamento de jovens ao mercado de trabalho do País: o programa Primeiro Emprego/Aprendiz Campinas. Coordenou a expansão da Casa do Empreendedor, serviço voltado aos pequenos empreendedores, com uma parceria com o Sebrae, e lançou vários cursos de qualificação profissional, fomentando educação para o trabalho e oportunidade de renda.

Ciclovia-NorteSul

Ciclovias: mobilidade urbana

De autoria do vereador Luis Yabiku, a Lei 13.288/08 que implantou o Sistema Cicloviário de Campinas, também conhecida como Lei Yabike, já é uma realidade. Com oito obras já entregues (avenidas Mackenzie, Norte-Sul, Baden Powell, Barão Geraldo, Nova Aparecida, Thedureto de Almeida Camargo, Whashington Luiz e Campo Grande), o plano prevê a construção de quase 200 quilômetros de vias para circulação de bicicletas por toda a cidade.

Preocupado com a crescente onda de violência que atinge os ciclistas, Luis Yabiku teve uma lei de sua autoria aprovada em dezembro de 2015, que implantou o Sistema Municipal de Prevenção ao Roubo, ao Furto e ao comércio ilegal de bicicletas em Campinas. A lei prevê um cadastro municipal de bikes recuperadas, além de obrigar a emissão de notas fiscais de compra com o número de série do produto adquirido. O projeto foi elaborado com a colaboração de cicloativistas.

Itaú

Direito do consumidor bancário

Graças a diversas iniciativas do vereador Luis Yabiku, os usuários do sistema bancário de Campinas desfrutam hoje de mais conforto no interior das agências com sanitários, bebedouros e guarda-volumes.

A chamada saidinha de banco, uma ação criminosa que visa roubar pessoas, principalmente as mais idosas, na saída das agências, também foi inibida graças a uma Lei de Yabiku que proibiu o uso de celular no interior das agências, tática que era usada pelos bandidos para combinar os ataques, principalmente em dias de pagamento de aposentados e pensionistas.

jovemaprendiz

Jovem Aprendiz: primeiro emprego

Yabiku também é um grande incentivador da Lei do Jovem Aprendiz, um programa federal que disciplina a contratação de jovens e adolescentes no mercado de trabalho. Yabiku é autor da lei que criou o selo de empresa Amiga do Aprendiz e a que instituiu o Dia Municipal do Adolescente Aprendiz, instrumentos criados para incentivar as empresas a cumprirem a Lei do Jovem Aprendiz, dando oportunidade de trabalho e aprendizagem.

Na Secretaria Municipal de Trabalho e Renda, Luis Yabiku implantou o programa Primeiro Emprego: Aprendiz Campinas, uma iniciativa da Prefeitura de Campinas, que se tornou protagonista no encaminhamento correto de jovens para o mercado de trabalho.

20160414131404_1200_675_-_cinema_celular

Lei do Celular: repercussão mundial

Yabiku ficou mundialmente conhecido por ser autor da primeira lei que proíbe o uso de celular em cinemas, teatros, salas de aula e bibliotecas. Por conta disso, em janeiro de 2001, ele foi o único brasileiro citado na revista norte-americana Newsweek, entre as melhores frases do ano.

A frase selecionada foi “As pessoas que não conseguem se desligar do mundo por apenas duas horas merecem a nossa piedade", em referência à lei que proíbe o uso de celular de sua autoria.

Vida pessoal e profissional

Yabiku ficou mundialmente conhecido por ser autor da primeira lei que proíbe o uso de celular em cinemas, teatros, salas de aula e bibliotecas. Por conta disso, em janeiro de 2001, ele foi o único brasileiro citado na revista norte-americana Newsweek, entre as melhores frases do ano.

A frase selecionada foi “As pessoas que não conseguem se desligar do mundo por apenas duas horas merecem a nossa piedade", em referência à lei que proíbe o uso de celular de sua autoria.